PRIVACY POLICY

From May 25th 2018 comes into force the General Data Protection Regulation – Regulation (EU) 2016/679 of the European Parliament and of the Council of 27 April 2016, laying down rules on the protection, treatment and the free movement of personal data of natural persons which applies directly to all entities processing such data in any Member State of the European Union.

Your data will be processed by DC-PV DECENTRALIZED PHOTOVOLTAICS LDA, VAT no 510368840, Rua José Ramalho Viegas nº 5 RC ESQ, 8005-226 Faro, hereinafter referred to as “DC-PV”.

For questions related to the processing of your personal data you can contact us through the following means:

Phone: +351 289 819 133

Address: Rua José Ramalho Viegas nº 5 RC ESQ, 8005-226 Faro

Email: info@dc-pv.com

Purpose of the use of personal data

– Contractual Executions – We will process and communicate, to third parties who also apply the GDPR, the personal data strictly necessary to fulfil the proposed conditions for the provision of services or purchase / sale of goods.

– Marketing effects – We will process your personal data for the dissemination of relevant commercial campaigns / information and events communications when you have expressly consented to your treatment for these purposes

Data sharing

Your personal information may be disclosed:
– With companies with which DC-PV shares the same resources to pursue its activity as ASUNIM UK Lda and YOFI SUN, S.L.;

– Third parties for contractual execution, legal compliance or other purposes for which we have the consent of the data subject.

These companies are provided with only the personal data required by law necessary for the provision of the service in question.

Our company is committed to protecting your personal data, which is why we check with our partners if they also apply the General Data Protection Regulation.

Retention of personal data

When the mandatory legal deadline for the retention of data does not apply, our company will keep your data for a period of 5 years.

Rights of the data subject

The data subject has the following rights:

– The right to be informed

– The right of access to your data

– The right to rectification of your data

– The right to be forgotten / deleted

– The right to processing restriction

– The right to data portability

– The right of opposition

– Individual automated decisions, including profile definition.

You also have the right to submit a complaint to the National Data Protection Commission.

In cases where consent is legally required for the processing of personal data, the data subject has the right to withdraw consent at any time, although that right does not jeopardize the lawfulness of the treatment effected based on the prior consent given or the subsequent treatment of the same data, based on another legal basis, such as compliance with the contract or legal obligations.

You can contact us, to withdraw your consent, by letter, telephone or e-mail info@dc-pv.com.

Communications made within DC-PV’s Email Marketing campaigns include an Opting Out mechanism. This means that the customer, user, or subscriber can at any time, and without any additional information, delete his data simply and immediately by clicking the respective link in the message.

Safety

DC-PV implements all security measures within its reach and to the extent of its resources to ensure the protection of electronic communications but cannot definitively guarantee the inviolability of the systems. Although Internet communications can be encrypted, we cannot guarantee that there are no malicious attacks and / or that information is not displayed in this context. Sending information electronically is never completely secure. For cases in which the submission of this data is done by this means, it is admitted that by clicking on “subscribe newsletter”, or on any other button with the same purpose, the holder is aware of this, giving consent to the treatment of in the terms provided.

Cookies

Our Website uses cookies to provide better use to its visitors, as well as to ensure that it is in full operation.

We may directly or indirectly use webanalytics services (via Google Analytics) to gauge the effectiveness of our content and the preferences of our users that enable us to contribute to optimizing the functioning of this Website. In addition, we use the so-called performance cookies to monitor how individual users access our website and how regularly. This information is only used for statistical purposes without identification of any particular user. By using this site you accept the use of cookies.

TERMOS E CONDIÇÕES

As nossas condições gerais de contratação com a DC-PV Decentralized Photovoltaics Lda aplicam-se a três tipos de situações:

A) Aquisição de Produtos

B) Aquisição de Serviços de Manutenção e Monitorização de sistemas fotovoltaicos

C) Contratação de engenharia, fornecimento, Construção, operação de sistemas fotovoltaicos.

A) CONTRATAÇÃO NA AQUISIÇÃO DE PRODUTOS.

1- ÂMBITO DE APLICAÇÃO.
Estas Condições Gerais são aplicáveis a todas as vendas ou serviços, realizados ou prestados pela DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda, tais como as que se encontram descritas nos nossos folhetos, listas de preços, anúncios, orçamentos, Internet ou verbalmente e que se regularão pelas normas aqui contidas, excluindo quaisquer outros termos ou condições análogas. Estas condições prevalecerão sobre qualquer outra, reservando-se, a DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda, a faculdade ou direito de as modificar, sempre por escrito. O seu pedido supõe a sua aceitação das presentes Condições Gerais. As condições de venda são Incoterms 2000: EXW.

A sede social da empresa DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda é a seguinte:
Rua José Ramalho Viegas, Nr5 r/c E
8005-226 Faro
Tel.: +351 289 819 133
Fax: +351 289 240 934
info@dc-pv.com

2- PEDIDO/CONTRATO.
Os pedidos serão formalizados por escrito, correio electrónico ou fax e unicamente serão vinculativos quando forem aceites pela DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda através da confirmação do pedido por qualquer um dos meios de comunicação anteriormente descritos.
Deve verificar a confirmação do pedido recebida e notificar imediatamente e por escrito sobre qualquer erro no prazo máximo de 48h a contar da recepção da confirmação; caso contrario, a descrição do produto e as características e/ou especificações técnicas detalhadas na confirmação do pedido enviada pela DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda serão consideradas válidas e o pedido será efectivo.

3- PREÇO E CONDIÇÕES DE PAGAMENTO.
Os orçamentos ou propostas comerciais e económicas só serão válidos quando forem detalhados por escrito e durante o prazo que expressamente se indique nos mesmos. Ao não ser estabelecido nenhum prazo, é considerado o prazo máximo de 7 dias, sem nenhuma possibilidade de prorrogação do mesmo.
O preço do produto e os termos e condições de pagamento serão estabelecidos na confirmação de cada pedido. Na hipótese de, por causas alheias, fora do alcance da DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda, tais como variações nos tipos de câmbio de divisas, taxas, seguros e outros custos de produção (incluindo os de componentes e serviços), o preço ter de ser alterado pela DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda prévio aviso aos interessados, esta reserva-se o direito de realizar um ajuste na cotação final.
O pagamento será formalizado no momento da efectivação do pedido, ou caso se aplique, conforme se encontra disposto nas condições que se estabeleçam na confirmação do mesmo. As empresas da DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda podem suspender a entrega do bem ou prestação do serviço até á satisfação total do pagamento do preço global. No caso de atraso no pagamento (mora), imputar-se-ão ao preço final todos os custos originados e aplicar-se-á um juro moratório de 1% por mês sobre o montante em divida ou sobre o que falte pagar nesse momento, a contar da data de vencimento do pagamento e até á sua liquidação total.
Antes do envio da mercadoria ou da prestação de um serviço, as empresas da DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda reservam-se o direito de certificar a aprovação das formas de pagamento pelas entidades correspondentes, durante o tempo que seja necessário.
Em caso de não pagamento total ou parcial, na data de vencimento acordada, as empresas da DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda podem suspender ou cancelar qualquer envio ou Contrato pendente, sem incorrer em qualquer responsabilidade por quaisquer danos ou perdas, incluindo o lucro cessante, ou danos por atraso ou perda de produção que sejam originados. O anterior direito em nenhum caso libertará o Cliente das suas obrigações contratuais em relação aos pagamentos em divida e á recepção de produtos.
No caso de o Cliente residir habitualmente fora da comunidade europeia e deseje tornar efectiva uma isenção fiscal, deverá, necessariamente, enviar para a sede social da empresa da DC-PV Decentralized Photovoltaics, Lda com a qual vai efectuar uma transacção comercial uma fotocópia da factura e um comprovativo de domicílio no estrangeiro com o seu “Tax Number“, assim que receba a encomenda. Quando a factura chegar á alfândega, o utilizador deverá enviá-la juntamente com os dados bancários para dar seguimento ao reembolso do imposto.

4. RESPONSABILIDADES DO PROPRIETÁRIO

O PROPRIETÁRIO, sem custo adicional para o CONTRATANTE, é responsável por:

a) Pagar o montante total de acordo com o calendário de pagamento.

b) Providenciar ao CONTRATANTE acesso ilimitado ao local de projecto, armazém e infra-estruturas como sanitários e casa de banho.

c) Comprometer-se a não interferir, supervisionar ou mexer no sistema ou modificar qualquer instalação sem confirmação do CONTRATANTE, por poder afetar de forma negativa o âmbito dos trabalhos e em última análise, ter um impacto no desempenho do sistema.

d) Realizar todos os reforços necessários no caso da cobertura não permitir o peso adicional associado de forma contínua ao sistema fotovoltaico (<15kg/m2) e de forma temporária aos trabalhadores (aproximadamente 90kg/m2).

e) Se imprescindível ao projecto, estabelecer uma zona para descarregar as paletes individuais de módulos solares e outro equipamento na cobertura (aproximadamente 600kg/m2), no telhado propriamente dito ou num local diretamente adjacente para facilitar o acesso da equipa de instalação.

f) Na impossibilidade de cumprir a alínea e) supracitada, o proprietário é responsável por propor uma solução ou zona de colocação dos painéis que permitam a execução da obra de forma rápida e adequada por parte do CONTRATANTE, devendo esta ser formalmente aceite pelo mesmo.

g) Assegurar que possui meios (empilhadores ou outros) e pessoal adequados para assegurar, após a chegada do camião ao local de instalação, a descarga do material e diferentes componentes do sistema a entregar no local.

h) Descarregar e colocar os componentes entregues pelo CONTRATANTE, devendo assegurar os meios humanos e técnicos para o efeito. No momento de chegada dos componentes, o CONTRATANTE deve ser avisado imediatamente pelo PROPRIETÁRIO da chegada de forma a poder efectuar no espaço inferior máximo de 48h uma rigorosa inspecção geral à quantidade, conformidade e estado dos componentes entregues ao cliente, devendo o PROPRIETÁRIO para efeitos de uma eventual activação de seguro assinar e preencher as guias de transporte que acompanham os componentes com a observação “sujeito a verificação” ou “danos exteriores” e guardar uma cópia da documentação.

i) Assegurar, armazenar e garantir (por seguro contra todos os riscos e meios no local) o transporte, danos, incêndio, conflito e/ou roubo todos os componentes relacionados ao projecto que são entregues pelo CONTRATANTE no LOCAL DO PROJECTO

j) Após a entrega no LOCAL DO PROJECTO e durante o período de tempo da execução da obra, o PROPRIETÁRIO é responsável por danos ou roubos que ocorram fora do horário de trabalho do CONTRATANTE. Após entrega em obra o PROPRIETÁRIO é responsável por danos ou roubo de componentes que ocorram na mesma.

k) Fornecer toda a informação necessária ao CONTRATANTE no tempo devido.

l) Aceitar as escolhas do CONTRATANTE quanto a terceiros subcontratados.

5. RESPONSABILIDADES DO CONTRATANTE

O CONTRATANTE, sem custos adicionais para o PROPRIETÁRIO, é responsável por:

Desenho do Sistema, Engenharia e Instalação do Sistema

a) Elaborar o projecto mecânico e eléctrico de acordo com as regulamentações de Portugal, submetendo-o ao cliente em formato PDF.

b) Executar todas as revisões necessárias ao projecto sem custo adicional até ao máximo de duas vezes. Se forem solicitadas pelo PROPRIETÁRIO alterações consideradas pelo CONTRATANTE como não essenciais, será discutido e acordado um valor adicional entre as partes.

c) Responsabilizar-se pela segurança do local de construção durante a instalação do sistema.

d) Responsabilizar-se pela contratação dos veículos de transporte em território nacional ou internacional das mercadorias até ao LOCAL DO PROJECTO.

e) Assegurar, armazenar e garantir (por meio de seguro contra todos os riscos, especificamente transporte, danos, incêndio, conflito e roubo) todos os componentes relacionados ao projecto até ao momento em que são entregues no LOCAL DO PROJECTO.

f) Instalação do sistema de montagem de módulos, ligações elétricas, cabos espirais ou ligações de suporte para cabos, ligações de cabos DC, ligações de tubos de cabos, ligações de inversores, instalação de inversores, arranque de inversores, monitorização online da instalação do sistema, testes e aprovações de sistema, ligações dos combinadores DC, ligações dos combinadores AC e ligações ao quadro principal AC e à rede.

g) Ligar o sistema ao quadro eléctrico AC do cliente no LOCAL DO PROJECTO.

h) Pôr a funcionar o sistema em condições de operação normais e aceitáveis de acordo com as instruções regulamentares Portuguesas e especificações para categorias de projecto comparáveis.

6. TRABALHO DE PORMENOR E ERROS MENORES

Os trabalhos de pormenor e a correção de erros menores serão efetuados num máximo de 30 dias após aceitação provisória do sistema pelo PROPRIETÁRIO, sem custos adicionais. Erros menores são considerados factos que não afetam de forma grave a produtividade do sistema como a montagem de grampos de cabos, caixas DC, etiquetas de identificação de cabos, avarias individuais ou temporárias nos inversores ou faltas de comunicação com o sistema de monitorização durante o período de arranque.

7. GARANTIA DOS COMPONENTES

O CONTRATANTE confirma que todos os componentes usados no Sistema FV são entregues sem serem anteriormente usados e sem defeitos e quando possível providenciará documentação comprovativa dos fabricantes.

O CONTRATANTE não é em nenhuma circunstância responsável por material defeituoso fornecido por fabricantes. Contudo, o CONTRATANTE garante que, no caso de ser necessário acionar a garantia de algum dos componentes fornecido pelo CONTRATANTE e usado no sistema FV, irá ter o cuidado de gerir a comunicação com o fabricante e prestar apoio na substituição ou reparação, entre outras medidas possíveis. O CONTRATANTE irá solicitar a reparação ou substituição do material com defeito. Caso o fabricante não responda a esse pedido devido a insolvência ou força maior, o CONTRATANTE estará disponível para apoiar o PROPRIETÁRIO a adquirir componentes alternativos de forma a restabelecer o normal funcionamento do sistema.

8. ACESSO AO LOCAL DE PROJECTO

Somente pessoal acreditado poderá aceder ao local para inspecionar os trabalhos executados. Toda e qualquer pessoa que visite o local deve cumprir com as medidas de saúde e segurança e não é permitido o acesso a quem não utilizar o equipamento de segurança definido nos requisitos de acesso para o LOCAL DE PROJECTO específico.

9. ALTERAÇÕES AO ENQUADRAMENTO LEGAL VIGENTE OU CONTRATO

Qualquer alteração na legislação ou regulamentação após a assinatura deste contrato será discutida e resolvida entre as partes em boa-fé. O principal objetivo é atingir o cumprimento deste contrato. Se existirem produtos ou serviços adicionais relacionados com alterações do enquadramento legal ou regulamentar, serão oferecidos pelo CONTRATANTE ao PROPRIETÁRIO. Ao ser aceite a oferta, o CONTRATANTE irá executar os trabalhos adicionais ou entregar os materiais complementares. Em ambas as situações o contrato permanecerá válido e o CONTRATANTE é responsável por executar os trabalhos relacionados com o contrato.

Se houver uma cláusula neste contrato que não for considerada legalmente válida sob a lei vigente, o restante contrato mantém-se válido e ambas as partes discutem em boa-fé como redefinir essa cláusula de forma a ficar o mais próximo possível do seu conteúdo inicial. Não são permitidas modificações sem notificação prévia por escrito e acordo de ambas as partes.

10. DIREITOS PUBLICITÁRIOS E DIREITOS DE AUTOR

O PROPRIETÁRIO reconhece e concede ao CONTRATANTE como fornecedor do serviço referência apenas para fins publicitários. O CONTRATANTE pode convidar um terceiro para uma visita ao sistema com notificação prévia mínima de cinco dias ao PROPRIETÁRIO. O PROPRIETÁRIO aceita autorizar o acesso aos convidados do CONTRATANTE. O CONTRATANTE poderá publicar fotografias, emitir comunicados de imprensa e aceder e publicar os resultados de produção do sistema com fins de referência.

11. PROPRIEDADE DO PRODUTO E RESPONSABILIDADE

Após completo o pagamento o PROPRIETÁRIO tem posse total dos componentes do sistema relacionados com este contrato. O CONTRATANTE retém posse parcial dos componentes do sistema correspondente aos pagamentos parciais efetuados pelo PROPRIETÁRIO segundo o contrato. Todos os riscos, como roubo, desastres naturais, conflito e quebra após entrega DDP ao LOCAL DE PROJECTO e instalação (ou aprovação final) são da inteira responsabilidade do PROPRIETÁRIO.

12. CANCELAMENTO DO CONTRATO

a. Cancelamento pelo PROPRIETÁRIO:

O CONTRATANTE acorda que o PROPRIETÁRIO tem o direito de cessar este Contrato no caso de qualquer das seguintes circunstâncias:

a) O CONTRATANTE abandonar a obra sem justificação durante mais de três semanas, ou não iniciar os trabalhos sem justificação no prazo de quatro semanas desde a Data Efetiva acordada.

b) O CONTRATANTE adjudicar por inteiro este Acordo sem a autorização escrita do PROPRIETÁRIO, a não ser que esteja expressamente permitido sob este Acordo, ou

c) O CONTRATANTE violar de alguma forma material as provisões deste Acordo e tal violação permanecer sem correção ou resposta após trinta dias da receção pelo CONTRATANTE de uma notificação escrita da parte do PROPRIETÁRIO.

13. CANCELAMENTO PELO CONTRATANTE

O PROPRIETÁRIO acorda que o CONTRATANTE tem o direito de cessar este contrato no caso de qualquer das seguintes circunstâncias:

a) O PROPRIETÁRIO adjudicar este Acordo, ou subcontratar qualquer secção do mesmo sem a autorização escrita do CONTRATANTE, a não ser que expressamente permitido no âmbito deste Acordo, ou

b) O PROPRIETÁRIO não cumprir com o pagamento de qualquer valor devido no âmbito deste Acordo desde que tenha passado 15 dias após a data do valor devido, ou o pagamento pelo PROPRIETÁRIO tenha sido atrasado pelo menos dez dias, pelo menos três vezes. Contudo, o CONTRATANTE não tem direito a cancelar o contrato no caso do dito valor estar sob discussão, ou

c) O PROPRIETÁRIO violar de qualquer forma material as provisões deste Acordo e tal violação permanecer sem correção após trinta dias da receção pelo PROPRIETÁRIO de uma notificação escrita por parte do CONTRATANTE.

14. PROCEDIMENTO DURANTE O CANCELAMENTO

No caso de cancelamento ambas as partes acordam que qualquer pagamento devido ou crédito aberto deve ser ponderado face aos serviços e produtos fornecidos. Uma vez cancelado este Acordo segundo circunstâncias descritas nos pontos 16.1 e 16.2, as Partes executarão um certificado de verificação do trabalho elaborado pelo CONTRATANTE até a data, acordando o preço do trabalho elaborado corretamente e útil para o PROPRIETÁRIO, e as partes irão calcular os valores a ser pagos uma à outra. Para evitar dúvidas, os módulos PV e inversores e qualquer equipamento entregue no âmbito do projecto, assim como o próprio projecto de engenharia, serão sempre considerados úteis ao PROPRIETÁRIO pelo valor total.

15. TAXAS DE JURO SOBRE PAGAMENTOS EM ATRASO

Qualquer atraso no pagamento que exceda trinta dias após notificação escrita é taxado a uma taxa de juro anual de 8% sobre o valor em aberto.

16. CORRESPONDÊNCIA

As moradas de ambas as partes que constam neste contrato devem ser válidas para qualquer correspondência oficial e qualquer alteração de morada deve ser notificada por escrito no prazo máximo de quinze dias. Qualquer notificação escrita deve ser entregue por serviço de entrega com aviso de receção. Se qualquer uma das partes alterar a morada sem avisar a outra parte tornando essa entrega impossível, é considerada como entregue.

17. PROVISÕES ADICIONAIS

17.1 Confidencialidade

Ambas as partes comprometem-se a guardar a confidencialidade de qualquer informação ou documentação confidencial fornecida pela outra parte relacionada com o contrato ou obtida de outra forma relacionada com este contrato.

Ambas as partes deverão assegurar que todos os seus trabalhadores, agentes ou outras pessoas que tenham acesso a informações confidenciais estão sob a mesma obrigação de confidencialidade referida no parágrafo acima.

As obrigações de confidencialidade não se aplicarão a informações que:

a) Sejam requeridas por qualquer autoridade governamental competente ou bolsa de valores internacionalmente reconhecida;

b) Sejam requeridas por uma Parte para exercer os seus direitos sob este contrato, na medida necessária para exercer esses direitos; ou

c) Sejam permitidas utilizar ou divulgar de acordo com os termos de um contrato separado entre a Parte que divulga e a Parte que recebe a informação, sendo, nesse caso, a utilização e divulgação regida pelo acordo relevante.

17.2 Não solicitação de trabalhadores

As partes acordam que durante o termo deste Acordo e durante mais dois anos depois, nenhuma das partes ou do grupo de empresas a ela associada irá solicitar um trabalhador da parte ou do grupo a quem foi atribuído trabalhar numa Proposta ou Projecto Alvo sem consentimento através duma Decisão Conjunta.

17.3 Lei vigente e jurisdição

Este Acordo é regido e construído de acordo com a lei da República Portuguesa, em caso de litígio o foro da comarca de Lisboa será o único competente, com exclusão de qualquer outro.

Em caso de litígio o consumidor pode recorrer ao:
Centro de Arbitragem de Consumo do Algarve Tribunal Arbitral Edifício Ninho de Empresas, Estrada da Penha, 8005-131 FARO Tel: 289 823 135 Fax: 289 812 213
Email: info@consumoalgarve.pt
www.consumoalgarve.pt

POLÍTICA DE PRIVACIDADE DE DADOS

A partir de 25 de maio de 2018 passa a ser aplicável o Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados Pessoais – Regulamento nº 2016/679 do Parlamento Europeu e do Conselho, de 27 de abril de 2016, que estabelece as regras relativas à proteção, tratamento e livre circulação dos dados pessoais das pessoas singulares e que se aplica diretamente a todas as entidades que procedam ao tratamento desses dados, em qualquer Estado membro da União Europeia. Os seus dados serão tratados pela DC-PV DECENTRALIZED PHOTOVOLTAICS LDA, pessoa coletiva número 510368840, com sede na Rua José Ramalho Viegas nº 5 RC ESQ, 8005-226 Faro, doravante “DC-PV”.

Para as questões relacionadas com o tratamento dos seus dados pessoais deverá contactar-nos através dos seguintes meios:

Telefone: 289 819 133

Morada: Rua José Ramalho Viegas nº 5 RC ESQ, 8005-226 Faro

Email: info@dc-pv.com

Finalidade da utilização de dados pessoais

– Execuções contratuais – Sempre que necessário, iremos processar e comunicar, a terceiros que também apliquem o RGPD, os dados pessoais estritamente necessários para o cumprimento das condições propostas para prestação de serviços ou compra/venda de material.

– Efeitos de marketing – Iremos processar os seus dados pessoais para divulgação de campanhas/informações comerciais relevantes e comunicações de eventos quando tenha expressamente consentido o seu tratamento para estes fins.

Partilha de dados

A sua informação pessoal pode ser divulgada:
– Com empresas com as quais a DC-PV partilha os mesmos recursos para prossecução da sua atividade como a Asunim UK Ltd e YOFI SUN,S.L.;

– Terceiros para execução contratual, cumprimento legal ou outras finalidades de que tenhamos o consentimento do titular dos dados.

São fornecidas a estas empresas apenas os dados pessoais exigidos por lei necessários para a prestação do serviço em causa.

A nossa empresa está empenhada em proteger os seus dados pessoais, razão pela qual verificamos junto dos nossos parceiros se estes também aplicam o Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados Pessoais.

Prazo de conservação dos dados pessoais

Quando não se aplique o prazo legal obrigatório para a conservação de dados, a nossa empresa irá conservar os seus dados pelo prazo de 5 anos.

Direitos do titular dos dados

O titular dos dados tem os seguintes direitos:

– O direito a ser informado

– O direito de acesso aos seus dados

– O direito à retificação dos seus dados

– O direito a ser esquecido / apagado

– O direito à restrição de processamento

– O direito à portabilidade dos dados

– O direito de oposição

– Decisões individuais automatizadas, incluindo a definição de perfis.

Tem ainda o direito de apresentar uma reclamação à Comissão Nacional de Proteção de Dados.

Nos casos em que o consentimento seja legalmente necessário para o tratamento de dados pessoais, o titular dos dados tem o direito de retirar consentimento em qualquer altura, embora esse direito não comprometa a licitude do tratamento efetuado com base no consentimento previamente dado nem o tratamento posterior dos mesmos dados, baseado noutra base legal, como é o caso do cumprimento do contrato ou de obrigações legais.

Pode contactar-nos, para retirar o seu consentimento, através de carta, telefone ou do e-mail info@dc-pv.com.

As comunicações realizadas no âmbito de campanhas de Email Marketing da DC-PV incluem um mecanismo de Opting Out. Tal significa que o cliente, utilizador, ou subscritor, pode a qualquer momento, e sem necessidades de quaisquer trâmites adicionais, proceder à eliminação dos seus dados de forma simples e imediata, clicando no link respetivo da mensagem.

Segurança

A DC-PV executa e coloca em prática todas medidas de segurança ao seu alcance e na medida dos seus recursos, para garantir a proteção das comunicações eletrónicas, mas não pode garantir de forma definitiva a inviolabilidade dos sistemas. Embora as comunicações pela internet possam ser criptografadas, não podemos garantir a inexistência de ataques maliciosos e/ou que nesse âmbito, as informações não sejam visualizadas. O envio de informações por via eletrónica nunca é totalmente seguro. Para os casos em que a submissão destes dados é realizada por esta via, admite-se que ao clicar em “subscrever newsletter”, ou em qualquer outro botão com a mesma finalidade, o titular tem consciência desse facto, dando o consentimento ao tratamento dos dados nos termos exarados.

Cookies

O nosso Website recorre ao uso de cookies para proporcionar uma melhor utilização aos seus visitantes, bem como para garantir que o mesmo se encontra em pleno funcionamento.

Podemos utilizar, direta ou indiretamente, serviços de webanalytics (por intermédio do Google Analytics) para aferir a eficácia dos nossos conteúdos e as preferências dos nossos utilizadores que nos permitem contribuir para a otimização do funcionamento deste Website. Adicionalmente, recorremos às designadas cookies de desempenho para monitorizar a forma como os utilizadores individualmente acedem ao nosso Website e com que regularidade. Esta informação é usada apenas para efeitos estatísticos sem identificação de qualquer utilizador em particular. Ao usar este site aceita o uso de cookies.

REFERÊNCIAS

Centrais Fotovoltaicas

REFERÊNCIAS

Outros sistemas

Outros sistemas

Autoconsumo Residencial e off-grid

Um sistema de autoconsumo residencial bem dimensionado permite satisfazer as necessidades base de eletricidade de uma habitação (frigoríficos, arcas congeladoras, sistemas de alarme, bombas, termoacumuladores, aparelhos em standby). O sistema solar fotovoltaico satisfaz as necessidades diurnas de eletricidade e recorre à rede pública apenas para os consumos extraordinários ou em período noturno.  

Os sistemas de autoconsumo residencial mais interessantes incorporam soluções de armazenagem de energia com recurso a baterias de lítio, o que possibilita obter uma maior autonomia energética porque permite cobrir o consumo noturno da habitação. Estes sistemas devem fazer a monitorização do consumo e produção de eletricidade da casa e ter um sistema de gestão integrada que programe uma otimização dos consumos e aproveitamento integral do potencial da instalação fotovoltaica.

Serviços

CENTRAIS FOTOVOLTAICAS

AUTOCONSUMO INDUSTRIAL

AUTOCONSUMO RESIDENCIAL E OFF-GRID

MANUTENÇÃO E MONITORIZAÇÃO

Integrada no Grupo ASUNIM, a DC-PV possui um elevado know-how técnico no solar fotovoltaico com profissionais que trabalham no sector desde 2005.

Na DC-PV projetamos e construímos sistemas de produção de energia descentralizados que proporcionam eletricidade acessível aos nossos clientes e aumentam a sua autonomia energética.

Criamos soluções competitivas e feitas à medida e monitorizamos as instalações continuadamente para melhorar performance e obter retornos de investimento mais rápidos.

CENTRAIS FOTOVOLTAICAS

A DC-PV oferece o serviço de EPC (Engenharia, Procurement e Construção) para a implementação de projetos solares fotovoltaicos. 

Uma equipa experiente em projetos nacionais e internacionais possui todas as competências necessárias e um profundo conhecimento do setor para escolher as melhores soluções para concretizar os projetos fotovoltaicos.

ENGENHARIA

Elaboração de projeto completo para instalação de sistemas fotovoltaicos de alto rendimento e custo competitivo em diferentes localizações geográficas.

PROCUREMENT

Fornecimento de componentes fiáveis dos fabricantes de primeira linha, com as melhores condições de mercado, aproveitando o elevado poder negocial de aquisição do grupo.

GESTÃO DE PROJETO

Planeamento integral e detalhado das diferentes etapas, para garantir o cumprimento das exigências técnicas e prazos do projeto.

CONSTRUÇÃO & SUPERVISÃO

Escolha, contratação e supervisão dos parceiros que vão concretizar as diferentes especialidades da obra, cumprindo integralmente os custos e exigências técnico-legais do projeto.

COMISSIONAMENTO

Verificação e teste global do funcionamento e configuração do sistema fotovoltaico para assegurar a correta e fiável laboração da central.

AUTOCONSUMO INDUSTRIAL

As empresas podem reduzir os seus consumos de energia significativamente com a instalação de um sistema solar fotovoltaico de produção de electricidade para consumo próprio. As unidades de Produção de Autoconsumo (UPAC) são reguladas pelo DL 153/2014 que estabelece as condições necessárias para a construção e legalização de sistemas de Autoconsumo.

O consumo de eletricidade produzida por um sistema solar fotovoltaico é especialmente rentável para empresas com um perfil de consumo mais elevado durante o horário solar. De maneira geral os sistemas fotovoltaicos para autoconsumo instantâneo permitem após a sua instalação reduzir significativamente a fatura energética das empresas e garantir um preço competitivo e estável do custo de eletricidade durante o tempo de vida do sistema (25 anos). 

O custo real da eletricidade proveniente de energia solar (€kW/h) é presentemente inferior ao preço praticado pelas diferentes empresas comercializadoras de energia elétrica.

AUTOCONSUMO RESIDENCIAL E OFF-GRID

Um sistema de autoconsumo residencial bem dimensionado permite satisfazer as necessidades base de eletricidade de uma habitação (frigoríficos, arcas congeladoras, sistemas de alarme, bombas, termoacumuladores, aparelhos em standby). O sistema solar fotovoltaico satisfaz as necessidades diurnas de eletricidade e recorre à rede pública apenas para os consumos extraordinários ou em período noturno.  

Os sistemas de autoconsumo residencial mais interessantes incorporam soluções de armazenagem de energia com recurso a baterias de lítio, o que possibilita obter uma maior autonomia energética porque permite cobrir o consumo noturno da habitação. Estes sistemas devem fazer a monitorização do consumo e produção de eletricidade da casa e ter um sistema de gestão integrada que programe uma otimização dos consumos e aproveitamento integral do potencial da instalação fotovoltaica.

MANUTENÇÃO E MONITORIZAÇÃO

Para que o cliente possa retirar o melhor proveito do seu sistema solar fotovoltaico e contribuir para a eficiência e longevidade dos equipamentos a DC-PV oferece um serviço rigoroso de manutenção que consiste na monitorização remota regular do desempenho do sistema e uma visita anual de inspecção para comprovar e preservar o estado geral dos componentes.

As visitas técnicas envolvem a verificação exaustiva dos diversos componentes do sistema, onde se incluem os módulos solares fotovoltaicos, o inversor, a estrutura, o sistema de monitorização, as baterias (quando aplicável) e a cablagem elétrica. 
A DC-PV assegura o tratamento junto dos fabricantes de eventuais casos de garantia cobertos pelos mesmos, agilizando o processo de identificação, logística de devolução e reativação desses componentes no sistema fotovoltaico.

Serviços

CENTRAIS FOTOVOLTAICAS

AUTOCONSUMO INDUSTRIAL

AUTOCONSUMO RESIDENCIAL E OFF-GRID

MANUTENÇÃO E MONITORIZAÇÃO

Integrada no Grupo ASUNIM, a DC-PV possui um elevado know-how técnico no solar fotovoltaico com profissionais que trabalham no sector desde 2005.

Na DC-PV projetamos e construímos sistemas de produção de energia descentralizados que proporcionam eletricidade acessível aos nossos clientes e aumentam a sua autonomia energética.

Criamos soluções competitivas e feitas à medida e monitorizamos as instalações continuadamente para melhorar performance e obter retornos de investimento mais rápidos.

CENTRAIS FOTOVOLTAICAS

A DC-PV oferece o serviço de EPC (Engenharia, Procurement e Construção) para a implementação de projetos solares fotovoltaicos. 

Uma equipa experiente em projetos nacionais e internacionais possui todas as competências necessárias e um profundo conhecimento do setor para escolher as melhores soluções para concretizar os projetos fotovoltaicos.

ENGENHARIA

Elaboração de projeto completo para instalação de sistemas fotovoltaicos de alto rendimento e custo competitivo em diferentes localizações geográficas.

PROCUREMENT

Fornecimento de componentes fiáveis dos fabricantes de primeira linha, com as melhores condições de mercado, aproveitando o elevado poder negocial de aquisição do grupo.

GESTÃO DE PROJETO

Planeamento integral e detalhado das diferentes etapas, para garantir o cumprimento das exigências técnicas e prazos do projeto.

CONSTRUÇÃO & SUPERVISÃO

Escolha, contratação e supervisão dos parceiros que vão concretizar as diferentes especialidades da obra, cumprindo integralmente os custos e exigências técnico-legais do projeto.

COMISSIONAMENTO

Verificação e teste global do funcionamento e configuração do sistema fotovoltaico para assegurar a correta e fiável laboração da central.

AUTOCONSUMO INDUSTRIAL

As empresas podem reduzir os seus consumos de energia significativamente com a instalação de um sistema solar fotovoltaico de produção de electricidade para consumo próprio. As unidades de Produção de Autoconsumo (UPAC) são reguladas pelo DL 153/2014 que estabelece as condições necessárias para a construção e legalização de sistemas de Autoconsumo.

O consumo de eletricidade produzida por um sistema solar fotovoltaico é especialmente rentável para empresas com um perfil de consumo mais elevado durante o horário solar. De maneira geral os sistemas fotovoltaicos para autoconsumo instantâneo permitem após a sua instalação reduzir significativamente a fatura energética das empresas e garantir um preço competitivo e estável do custo de eletricidade durante o tempo de vida do sistema (25 anos). 

O custo real da eletricidade proveniente de energia solar (€kW/h) é presentemente inferior ao preço praticado pelas diferentes empresas comercializadoras de energia elétrica.

AUTOCONSUMO RESIDENCIAL E OFF-GRID

Um sistema de autoconsumo residencial bem dimensionado permite satisfazer as necessidades base de eletricidade de uma habitação (frigoríficos, arcas congeladoras, sistemas de alarme, bombas, termoacumuladores, aparelhos em standby). O sistema solar fotovoltaico satisfaz as necessidades diurnas de eletricidade e recorre à rede pública apenas para os consumos extraordinários ou em período noturno.  

Os sistemas de autoconsumo residencial mais interessantes incorporam soluções de armazenagem de energia com recurso a baterias de lítio, o que possibilita obter uma maior autonomia energética porque permite cobrir o consumo noturno da habitação. Estes sistemas devem fazer a monitorização do consumo e produção de eletricidade da casa e ter um sistema de gestão integrada que programe uma otimização dos consumos e aproveitamento integral do potencial da instalação fotovoltaica.

MANUTENÇÃO E MONITORIZAÇÃO

Para que o cliente possa retirar o melhor proveito do seu sistema solar fotovoltaico e contribuir para a eficiência e longevidade dos equipamentos a DC-PV oferece um serviço rigoroso de manutenção que consiste na monitorização remota regular do desempenho do sistema e uma visita anual de inspecção para comprovar e preservar o estado geral dos componentes.

As visitas técnicas envolvem a verificação exaustiva dos diversos componentes do sistema, onde se incluem os módulos solares fotovoltaicos, o inversor, a estrutura, o sistema de monitorização, as baterias (quando aplicável) e a cablagem elétrica. 
A DC-PV assegura o tratamento junto dos fabricantes de eventuais casos de garantia cobertos pelos mesmos, agilizando o processo de identificação, logística de devolução e reativação desses componentes no sistema fotovoltaico.

Serviços

CENTRAIS FOTOVOLTAICAS

AUTOCONSUMO INDUSTRIAL

AUTOCONSUMO RESIDENCIAL E OFF-GRID

MANUTENÇÃO E MONITORIZAÇÃO

Integrada no Grupo ASUNIM, a DC-PV possui um elevado know-how técnico no solar fotovoltaico com profissionais que trabalham no sector desde 2005.

Na DC-PV projetamos e construímos sistemas de produção de energia descentralizados que proporcionam eletricidade acessível aos nossos clientes e aumentam a sua autonomia energética.

Criamos soluções competitivas e feitas à medida e monitorizamos as instalações continuadamente para melhorar performance e obter retornos de investimento mais rápidos.

CENTRAIS FOTOVOLTAICAS

A DC-PV oferece o serviço de EPC (Engenharia, Procurement e Construção) para a implementação de projetos solares fotovoltaicos. 

Uma equipa experiente em projetos nacionais e internacionais possui todas as competências necessárias e um profundo conhecimento do setor para escolher as melhores soluções para concretizar os projetos fotovoltaicos.

ENGENHARIA

Elaboração de projeto completo para instalação de sistemas fotovoltaicos de alto rendimento e custo competitivo em diferentes localizações geográficas.

PROCUREMENT

Fornecimento de componentes fiáveis dos fabricantes de primeira linha, com as melhores condições de mercado, aproveitando o elevado poder negocial de aquisição do grupo.

GESTÃO DE PROJETO

Planeamento integral e detalhado das diferentes etapas, para garantir o cumprimento das exigências técnicas e prazos do projeto.

CONSTRUÇÃO & SUPERVISÃO

Escolha, contratação e supervisão dos parceiros que vão concretizar as diferentes especialidades da obra, cumprindo integralmente os custos e exigências técnico-legais do projeto.

COMISSIONAMENTO

Verificação e teste global do funcionamento e configuração do sistema fotovoltaico para assegurar a correta e fiável laboração da central.

AUTOCONSUMO INDUSTRIAL

As empresas podem reduzir os seus consumos de energia significativamente com a instalação de um sistema solar fotovoltaico de produção de electricidade para consumo próprio. As unidades de Produção de Autoconsumo (UPAC) são reguladas pelo DL 153/2014 que estabelece as condições necessárias para a construção e legalização de sistemas de Autoconsumo.

O consumo de eletricidade produzida por um sistema solar fotovoltaico é especialmente rentável para empresas com um perfil de consumo mais elevado durante o horário solar. De maneira geral os sistemas fotovoltaicos para autoconsumo instantâneo permitem após a sua instalação reduzir significativamente a fatura energética das empresas e garantir um preço competitivo e estável do custo de eletricidade durante o tempo de vida do sistema (25 anos). 

O custo real da eletricidade proveniente de energia solar (€kW/h) é presentemente inferior ao preço praticado pelas diferentes empresas comercializadoras de energia elétrica.

AUTOCONSUMO RESIDENCIAL E OFF-GRID

Um sistema de autoconsumo residencial bem dimensionado permite satisfazer as necessidades base de eletricidade de uma habitação (frigoríficos, arcas congeladoras, sistemas de alarme, bombas, termoacumuladores, aparelhos em standby). O sistema solar fotovoltaico satisfaz as necessidades diurnas de eletricidade e recorre à rede pública apenas para os consumos extraordinários ou em período noturno.  

Os sistemas de autoconsumo residencial mais interessantes incorporam soluções de armazenagem de energia com recurso a baterias de lítio, o que possibilita obter uma maior autonomia energética porque permite cobrir o consumo noturno da habitação. Estes sistemas devem fazer a monitorização do consumo e produção de eletricidade da casa e ter um sistema de gestão integrada que programe uma otimização dos consumos e aproveitamento integral do potencial da instalação fotovoltaica.

MANUTENÇÃO E MONITORIZAÇÃO

Para que o cliente possa retirar o melhor proveito do seu sistema solar fotovoltaico e contribuir para a eficiência e longevidade dos equipamentos a DC-PV oferece um serviço rigoroso de manutenção que consiste na monitorização remota regular do desempenho do sistema e uma visita anual de inspecção para comprovar e preservar o estado geral dos componentes.

As visitas técnicas envolvem a verificação exaustiva dos diversos componentes do sistema, onde se incluem os módulos solares fotovoltaicos, o inversor, a estrutura, o sistema de monitorização, as baterias (quando aplicável) e a cablagem elétrica. 
A DC-PV assegura o tratamento junto dos fabricantes de eventuais casos de garantia cobertos pelos mesmos, agilizando o processo de identificação, logística de devolução e reativação desses componentes no sistema fotovoltaico.

REFERÊNCIAS

Autoconsumo Industrial

Contactos

Morada

Rua José Ramalho Viegas, Nr5 r/c E, Gambelas, 8005-226 Faro, Portugal

GPS: 37°02’45.6″N 7°58’02.7″W

Telefone

Sede: +351 289 819 133
Dep. Comercial Algarve e Baixo Alentejo: +351 910 011 950
Setúbal e Alto Alentejo: +351 911 109 345

e-mail : info(at)dc-pv.com

Para evitar phishing alterámos @ para (at)

Horário de funcionamento

SEG-SEX
09:00 – 13:00 / 14:00 – 18:00

Formulário de contacto

Notícias

    No posts found.

"Depois de consultarmos vários empresas e visitas a instalações em funcionamento, adjudicamos a obra à DC-PV, por ter a melhor solução técnica à medida das n/ necessidades, demonstrando um grande conhecimento em projetos fotovoltaicos e uma boa relação preço qualidade. A UPAC está a funcionar desde Junho de 2017, com uma redução muito significativa da fatura elétrica e praticamente auto-suficiente durante o dia."
JOSÉ PEREIRA
AGROLIMOA EXPLORAÇÃO AGRÍCOLA - Silves

GALERIA DE PROJETOS

PORTFOLIO

AUTOCONSUMO INDUSTRIAL

CENTRAIS FOTOVOLTAICAS

OUTRAS REFERÊNCIAS

Pedido de informações

Solicite ao nosso gestor de projeto um pedido de orçamento e simulação económica personalizada

Serviços
Criamos soluções competitivas e feitas à medida

Integrada no Grupo ASUNIM, a DC-PV possui um elevado know-how técnico no solar fotovoltaico com profissionais que trabalham no sector desde 2005.

Projetamos e construímos sistemas de produção de energia descentralizados que proporcionam eletricidade acessível aos nossos clientes e aumentam a sua autonomia energética.

Na DC-PV monitorizamos as instalações continuadamente para melhorar a performance e obter retornos de investimento mais rápidos.

A DC-PV oferece o serviço de EPC (Engenharia, Procurement e Construção) para a implementação de projetos solares fotovoltaicos. Saiba mais aqui. > Saiba mais aqui.

O serviço da DC-PV é “chave-na-mão” e vai desde o projeto à fase de instalação e arranque do sistema. > Saiba mais aqui.

A DC-PV oferece um serviço rigoroso de manutenção que consiste na monitorização remota regular do desempenho do sistema. > Saiba mais aqui.

Um sistema de autoconsumo bem dimensionado permite satisfazer as necessidades base de eletricidade de uma habitação. > Saiba mais aqui.

SOLAR ENGINEERING

DC-PV Decentralized Photovoltaics é uma empresa de engenharia especializada em energia solar fotovoltaica, sendo atualmente uma empresa portuguesa de referência com projetos fotovoltaicos e atuação a nível internacional.

serviços

Projetamos e construímos sistemas de produção de energia descentralizados que proporcionam eletricidade acessível aos nossos clientes e aumentam a sua autonomia energética.

Criamos soluções competitivas e feitas à medida e monitorizamos as instalações continuadamente para melhorar performance e obter retornos de investimento mais rápidos.

Alvará 90745​

Contacte-nos

Solicite ao nosso gestor de projeto um pedido de orçamento e simulação económica personalizada

info(at)dc-pv.com

  • Sede: +351 289 819 133
  • Dep. Comercial Algarve e Baixo Alentejo: +351 910 011 950
  • Dep. Comercial Setúbal e Alto Alentejo: +351 911 109 345

Somos representantes e prestamos assistência oficial (Service Partner) para os seguintes fabricantes:

Testemunhos

"A DC-PV foi a alternativa mais viável face à EDP de forma a rentabilizar o nosso projeto, foram os mais competitivos em termos de preço e a solução implementada está a funcionar bem e adaptou-se às nossas necessidades."
Laura Dias - DIAS DE AROMAS
EXPLORAÇÃO AGRICULTURA BIOLÓGICA - S.Brás de Alportel
"Tenho o meu sistema a funcionar desde Dezembro de 2015 e estamos a conseguir reduzir significativamente os nossos custos fixos. Durante o dia praticamente não recorremos à rede pública para o consumo de eletricidade."
Flávio Guerreiro-FG MARISCOS
INDÚSTRIA DEPURADORA DE MARISCO - Olhão
"A DC-PV é uma empresa muito profissional e competente na realização e acompanhamento de todos os trabalhos. Temos o nosso sistema a funcionar há mais de 1 ano e tem correspondido perfeitamente às nossas expectativas de redução de custos energéticos."
Nuno Graça - BROWNS SPORTS & LEISURE CLUB
TURISMO E LAZER - Vilamoura
"Depois de consultarmos vários empresas e visitas a instalações em funcionamento, adjudicamos a obra à DC-PV, por ter a melhor solução técnica à medida das n/ necessidades, demonstrando um grande conhecimento em projetos fotovoltaicos e uma boa relação preço qualidade. A UPAC está a funcionar desde Junho de 2017, com uma redução muito significativa da fatura elétrica e praticamente auto-suficiente durante o dia."
José Pereira - AGROLIMOA
EXPLORAÇÃO AGRÍCOLA - Silves
Close Menu